Atualizado pela ultima vez as 09:58:11
Notícias
(Notícia postada em 15/03/2017 às 07:55:55)
Melhor local para construção da ponte internacional é Porto Xavier, afirmam ministro dos Transportes e diretor do Dnit
Embora ainda não seja uma definição oficial, o diretor-geral do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), Valter Casimiro, e o ministro dos Transportes, Maurício Quintella Lessa, disseram, com todas as letras, que de acordo com o Estudo de Viablidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEA), economicamente Porto Xavier é o local mais adequado para construção da ponte internacional entre Brasil e Argentina.

Afirmação que foi ratificada pelo senador Lasier Martins, durante audiência pública realizada em Brasília na tarde de terça-feira (14), no gabinete do ministro, que reuniu mais de 100 participantes. "Na parte de construção, foi identificado no EVTEA que a ponte em Porto Xavier seria mais viável e mais barata para o governo. Issso, contando não apenas a questão da locação, mas também os acessos necessários para fazer a ligação a esta ponte", destacou o diretor-geral do Dnit, Valter Casimiro.

De acordo com o ministro, não há disponibilidade no orçamento da União de recursos previstos para construção das pontes (Porto Xavier/San Javier, Porto Mauá/Alba Posse e Itaqui/Alvear). A proposta, é fazer uma concessão da ponte de Uruguaiana para que seja viabilziada a construção de uma das três pontes.

Presidente da Associação dos Municípios das Missões (AMM), Brasil Antonio Sartori explicou que, como o estudo apontou incapacidade técnica financeira, o ministro Quintella determinou que o Dnit faça um estudo financeiro detectando se o Brasil pode bancar com verba pública. "O prazo deste resultado ficou estabelecido em seis meses e, na minha percepção, das três pontes, saio convicto de que a primeira a ser construída será em Porto Xavier", Frizou Sartori, que é prefeito de Entre-Ijuís.

Próxima etapa
O dirigente da AMM ressaltou que na reunião da região das Missões com autoridades argentinas, prevista para o próximo dia 31 de março, estará presente uma comissão da AMM composta por integrantes do poder público e iniciativa privada. "O ministro dos Transportes sinalizou que o governo argentino não tem a ponte internacional entre as prioridades. Vamos dialogar a respeito com os intendentes e demais autoridades da Argentina", evidenciou Sartori.

Prefeito de Porto Xavier, Vilmar Kaiser reiterou a satisfação com o resultado da audiência. "Para mim está claro: técnica e economicamente, Porto Xavier é o local mais indicado para receber a ponte. Com o apoio do presidente da AMM, que abraçou esta luta, dos empresários e de toda a população missioneira, que há mais de 50 anos vêm lutando e acreditando na ponte Porto Xavier/San Javier, muito em breve teremos uma resposta oficial e positiva do governo federal", incentivou Kaiser ao lembrar que o diretor do Dnit, Valter Casemiro, colocou o EVTEA ao dispor para quem tivesse dúvidas quanto às características que comprovam porque Porto Xavier tem mais condições técnicas e econômicas para construção deste empreendimento.
Turismo
Com o mesmo entusiasmo, o diretor do Detur/Funmissões, Ricardo Klein, que é prefeito de São Nicolau, contextualizou que também para o desenvolvimento do turismo será de suma importância a instalação da ponte na região das Missões. "Temos a Ruta Jesuítica da Sudamérica, envolvendo Brasil, Argentina, Paraguai, Uruguai e Bolívia, o Caminho Internacional das Missões, atrativos turísticos nos 26 municípios missioneiros, que serão fortalecidos com a vinda de mais investidores e visitantes para a região", acrescentou Klein.

A audiência pública foi agendada pelo deputado federal Jerônimo Goerguen e reuniu mais de 100 participantes. Senadores, deputados federais e estaduais, prefeitos, vice-prefeitos, imprensa e outras lideranças estaduais e federais. Representaram a AMM, o dirigente da Associação e prefeito de Entre-Ijuís, Brasil Antonio Sartori, o diretor do Detur e prefeito de São Nicolau, Ricardo Klein e o prefeito de Porto Xavier, Vilmar Kaiser, que entregaram ao ministro Quintella uma cópia do estudo técnico da região das Missões, da carta pró-ponte Porto Xavier San Javier, assinada por autoridades brasileiras e argentinas, entre outros documentos formalizados em ofício da Associação dos Municípios das Missões. 

No decorrer do dia, os prefeitos missioneiros estiveram na Câmara dos Deputados e no Senado Federal, em busca de apoio para os pleitos da região das Missões. A recuperação, duplicação e concessão da BR 386, integrou a pauta da audiência pública em Brasília.
Fonte: Imprensa AMM

Imagens relacionadas ao registro (6)
PUBLICIDADE
Enquete
Você é a favor ou contra o voto em branco?
RECADOS
Data: 2018-05-26 às 16:28:38
Sandro e micheli
Recado:Ola na escuta da radio juntos pela nacao na paralisacao dos camimhoneiros em entre ijuis!
Data: 2018-05-14 às 15:59:52
HECTOR RICARDO HARTMANN
Recado:Manda um abraço dos hartmann de Porto Vera Cruz para nosso amigo Delmar Bialas, depois do chocolate na bocha em São José ontem, uehuaheuaheua. Na versão do Guri de Uruguaiana gaúcha de 'Amor de Chocolate.
Receba as notícias do portal diariamente
diretamente ou semanalmente no seu e-mail:
Endereco/Contatos:
Rádio Ativa: Rua Santa Rosa - 375, apto. 01 - Centro - Campina das Missões/RS | (55) 3567-1300
Rádio Caibaté: Av. Santa Lúcia, 1401 - Caibaté/RS | (55) 3355-1335
Rádio Navegantes: Rua Paraguai, 42 - Centro - Porto Lucena/RS | (55) 3565-1200